Desenvolvimento cultural

, Author


Cultura e Saúde

Desenvolvimento do acesso à cultura nos hospitais

Há mais de 20 anos que o Ministério da Solidariedade e Saúde e o Ministério da Cultura têm vindo a conduzir uma política conjunta de acesso à cultura nos hospitais. Com um orçamento global de 4 milhões de euros, o esquema “Culture Santé” financia 600 projectos por ano. Pessoas hospitalizadas, idosos, famílias, profissionais de saúde e médico-sociais… toda a comunidade de saúde está preocupada, mas também todos os tipos de instalações culturais, todas as disciplinas artísticas, todos os tipos de hospitais e todos os públicos (crianças, adultos, idosos).

Cultura e Justiça

Incluindo a prisão na Cidade

Acesso à cultura para as pessoas sob custódia é um direito do mesmo modo que a educação ou a saúde. Em parceria com o Ministério da Justiça, o Ministério da Cultura implementa projectos culturais nas prisões, garantindo a sua qualidade e promoção com vista a incluir as prisões na cidade. Esta política inclui também a formação do pessoal prisional em questões culturais e a sensibilização dos agentes culturais para as especificidades do ambiente prisional. Finalmente, na área das oportunidades de trabalho nas prisões, incentiva o desenvolvimento de actividades técnicas relacionadas com profissões culturais.

Cultura e solidariedade

Favorecimento do acesso do maior número de obras e práticas artísticas e culturais

Apoio a valores essenciais à democracia, tais como a liberdade de criação e liberdade de expressão, e fervorosos defensores da diversidade cultural, as associações nacionais de solidariedade também desempenham um papel na transmissão destes valores, particularmente às gerações mais jovens. Com eles, o Ministério da Cultura desenvolve a prática artística e cultural, a partilha de culturas e a recolha de memórias a fim de reforçar as identidades pessoais e colectivas e de trabalhar em prol da cidadania. Esta política é levada a cabo apoiando os artistas e a criação através de residências, workshops, e divulgando as suas obras a um vasto público.

Mission Living Together

Relaying Culture to audience unfamiliar with cultural institutions

Desde 2004, cerca de trinta estabelecimentos culturais têm vindo a cooperar para chegar a públicos distantes das instituições culturais e assim lutar contra a discriminação no campo da cultura. Para chegar a públicos vulneráveis, os estabelecimentos da missão “Vivendo Juntos” optaram por trabalhar com pessoas que podem desempenhar um papel de retransmissão: voluntários, assistentes sociais, educadores, animadores, formadores… graças à conjugação de recursos, os membros desta rede oferecem gratuitamente a descoberta, sensibilização e sessões de formação, mediação adaptada, documentos para preparar e ajudar na visita, e adaptações de preços.

Cultura &política da cidade

Apoio à cultura em bairros desfavorecidos

Para reintegrar áreas deserdadas na dinâmica urbana, o Ministério da Cultura conduz acções de desenvolvimento cultural no campo da política da cidade. O objectivo: apoiar projectos de educação artística e de mediação cultural para pessoas que, devido à sua posição social e local de vida, têm dificuldade em aceder a bens e serviços culturais, para as ajudar a representar positivamente o seu ambiente de vida e a integrarem-se num mundo comum.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *