Eleições presidenciais americanas: os programas de Hillary Clinton e Donald Trump

, Author

Política externa

Para Hillary Clinton

É necessário:

– reforçar a presença americana no mundo e o seu lugar na NATO, que deve continuar a desempenhar o seu papel de escudo contra a Rússia.

– defender posições pró-Israel.

– pressionar a Coreia do Norte a abandonar o seu programa nuclear.

– mais envolvimento dos EUA nos vários conflitos em curso, especialmente na Síria e na Ucrânia.

Para Donald Trump

– Isto requer:

– repensar o lugar dos EUA na NATO, em termos de parceria e compromisso financeiro, forçando os aliados americanos a pagar mais para garantir a sua segurança, ou o seu país poderia deixar a organização.

– aproximar-se da Rússia, dar-lhe mais margem de manobra na Síria, e concentrar a actividade da NATO na luta contra o terrorismo e a imigração.

– renovar o diálogo com a Coreia do Norte.

– desafiar as actuais alianças dos EUA no Médio Oriente, bem como o acordo nuclear com o Irão para o qual os EUA não obtiveram concessões satisfatórias.

A luta contra o terrorismo

Para Hillary Clinton

precisamos de:

– continuar o esforço militar contra Daech no Iraque e na Síria, e cooperar mais amplamente com a coligação internacional.

– exigir a cooperação de gigantes da Internet contra a propaganda jihadista, reforçar os laços com imãs e líderes da comunidade muçulmana nos EUA

– apanhar vivo o líder da Daech para ser processado.

Para Donald Trump

É necessário:

– para derrotar Daech dentro de 30 dias após a tomada de posse, incluindo a escolha de instalações petrolíferas e a procura de um efeito surpresa.

– cooperar com Moscovo nesta luta contra Daech.

– matar as famílias dos terroristas.

– não proibir completamente os muçulmanos de entrar nos Estados Unidos, impedir a imigração da Síria, mas também dos “países infiltrados”, incluindo França, Alemanha, e Bélgica.

– aumentar o número de militares americanos.

– permitir a tortura.

Immigração

Para Hillary Clinton

Precisamos:

– reformar o acesso à naturalização.

– regularizar alguns dos 11 milhões de ilegais em solo americano, desde que não tenham cometido um crime violento.

– fechar centros de detenção de imigrantes ilegais.

– promover a integração dos imigrantes.

– controlar fronteiras, deportar aqueles que ameaçam a segurança.

– acolher 65.000 refugiados sírios.

Para Donald Trump

– colocar os 11 milhões de imigrantes ilegais em centros de detenção para deportação de solo americano.

– construir um muro de 1.600 quilómetros de comprimento na fronteira mexicana, que o México pagará por “100%”. (“Os mexicanos trazem com eles drogas, crime. Eles são violadores. “

– reforçar a polícia de fronteiras triplicando o número de agentes de imigração.

– abolir o direito do solo para os filhos de ilegais.

Saúde

Para Hillary Clinton

Precisamos de:

– apoiar e melhorar o pacote de reforma Obamacare, aprovado em 2010, que estabelece a Segurança Social para os pobres, permitindo que mais pessoas tenham acesso à cobertura pública de saúde Medicaid e Medicare.

– aumentar os orçamentos de investigação para certas doenças, incluindo cancro e Alzheimer.

– permitir a importação de medicamentos se estes forem mais baratos no estrangeiro.

Para Donald Trump

Precisamos de:

– revogar Obamacare, a lei do seguro de saúde.

– reformar a Segurança Social, oferecendo uma dedução fiscal sobre os seus prémios àqueles que querem obter seguros por conta própria.

– baixar os prémios dos seguros jogando a carta da concorrência.

– permitir a importação de medicamentos se estes forem mais baratos no estrangeiro.

Transporte de armas

Para Hillary Clinton

– Precisamos de:

– preservar a 2ª Emenda da Constituição mas legislar.

– regular melhor a venda e o porte de armas, com mais controlos.

– Conduzir verificações dos antecedentes de qualquer potencial comprador, proibindo a venda a pessoas violentas, com antecedentes criminais, ou mentalmente incapacitadas.

Para Donald Trump

Precisamos:

– Liberdade total, mesmo que isso signifique vetar qualquer medida para mais controlo de armas.

– Remover controlos pós-compra.

– Harmonizar o direito de porte de armas em todos os 50 estados com uma licença federal.

– Permitir que as forças da lei andem armadas em todas as circunstâncias.

Impostos

Para Hillary Clinton

– tributar os mais ricos, até 30% sobre rendimentos superiores a $2 milhões por ano, e criar uma sobretaxa sobre os rendimentos superiores a $5 milhões.

– aumentar os impostos sobre a propriedade.

– reduzir os encargos para as pequenas empresas.

– aumentar os impostos sobre a transferência de riqueza.

– repatriar os lucros realizados pelas multinacionais no estrangeiro.

Para Donald Trump

– baixar os impostos para $6 triliões.

– baixar o imposto sobre as sociedades de 35% para 15%.

– eliminar o imposto imobiliário.

– eliminar o imposto imobiliário.

Comércio Internacional

Para Hillary Clinton

– Temos de:

– rejeitar o acordo TTP trans-Pacífico para integrar as Américas e as regiões Ásia-Pacífico.

– manter o NAFTA (Acordo de Comércio Livre Norte-Americano) tal como está.

– adoptar medidas pautais para estados que violam as regras do comércio internacional.

Para Donald Trump

temos de:

– rejeitar o acordo TTP Trans-Pacífico.

– renegociar o NAFTA (Acordo de Comércio Livre Norte-Americano), que diz ser a causa do offshoring para o México.

– impor direitos de compensação sobre produtos manufacturados fabricados na China.

– reconstruir a produção dos EUA aumentando as tarifas.

– tirar os EUA da OMC, se necessário.

Jobs

Para Hillary Clinton

Precisamos de:

– aumentar o salário mínimo federal para $12 por hora, com estados capazes de decidir se vão para $15 por hora.

– criar 10 milhões de empregos através de um ambicioso plano de infra-estruturas de $275 biliões para impulsionar o crescimento.

– investir em pequenas e médias empresas especializadas em indústrias e tecnologias do futuro, tais como transição energética, tecnologias de comunicação…

Para Donald Trump

É necessário:

– aumentar o salário mínimo para $10 dos seus actuais $7,25.

– repatriar empregos através da tributação de empresas que se deslocalizam, especialmente para a China ou México.

– criar 25 milhões de empregos nos próximos dez anos.

– lançar um importante programa de desenvolvimento de infra-estruturas baseado em parcerias público-privadas, no valor de 900 mil milhões de euros.

Família, Sociedade, Educação

Para Hillary Clinton

Devemos:

– oferecer assistência pública às famílias para limitar os custos dos cuidados infantis a 10% do rendimento familiar.

– promover a licença parental a dois terços do salário e permitir às mulheres gozar 12 semanas de licença de maternidade remunerada.

– lutar pela igualdade de direitos entre homens e mulheres.

– combater a discriminação contra as minorias sexuais (LGBT) e étnicas.

– defender o casamento gay.

– reconhecer o direito das mulheres ao aborto.

– investir maciçamente (350 mil milhões) na educação.

– instituir ensino universitário gratuito para famílias que ganham menos de $85.000 por ano.

– eventualmente, perdoar a dívida estudantil a jovens empresários.

Para Donald Trump

precisamos de:

– permitir que as famílias deduzam nos impostos o custo dos cuidados infantis.

– permitir às mulheres tirar 6 semanas de licença de maternidade paga.

– limitar o direito ao aborto apenas a casos de violação, incesto, ou risco de vida para a mãe.

– reconhecer a igualdade de direitos para as minorias sexuais.

– proibir o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

– abolir o “núcleo comum” na educação. Isto permitirá a cada estado organizar a sua própria educação.

– reformar empréstimos estudantis.

Combate ao aquecimento global

Para Hillary Clinton

Precisamos de:

– desenvolver energia renovável investindo 60 mil milhões de dólares por ano.

– expandir a energia solar para ser o principal recurso das casas americanas, produzindo meio bilião de painéis até 2020.

– reduzir as emissões de gases com efeito de estufa em 26 a 28% entre 2005 e 2025.

– continuar o desenvolvimento do gás de xisto e do petróleo independentemente.

Para Donald Trump

É necessário:

– cancelar o acordo climático de Paris.

– apoiar as indústrias de combustíveis fósseis, especialmente petróleo e carvão.

– continuar o desenvolvimento do gás de xisto.

– reactivar o projecto de oleoduto Keystone XL entre os EUA e o Canadá.

– cortar todos os subsídios à Agência de Protecção Ambiental.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *